Batuka

Madonna “Batuka” com o coração, com muito amor e reverência à cultura afro.

O novo clipe da Rainha do Pop, mostra a cantora com as batucadeiras de Portugal que cantam, batucam e dançam junto à ela. A direção é de Emmanuel Adjei e as gravações foram feitas em Portugal na praia de São Julião.

“Queria homenagear a forma como conheci estas mulheres, e a nossa viagem, com uma bela experiência cinematográfica”, conta Madonna.

Ela completa. “Aprendi muito com estas mulheres. São tão fortes, autenticas, cheias de alma, amorosas, generosas e gentis. Não se consegue aprender isto na escola e elas ensinaram-me essas coisas”.

Sobre gravar as cenas com as mulheres da Orquestra Batukadeiras, Madonna revela “Fui completamente e totalmente inspirada por elas. Não havia necessidade de coreografia. A dança era orgânica e fluida: apenas observei-as a moverem e me juntei a elas”.

Mais uma vez Madonna arrasa. Como é lindo ver uma artista ser tão sensível e simples, e ver como ela mostra as mais diversas culturas pelo mundo, com muito respeito, carinho e amor.

A Batukada, surgiu durante a época colonial em Portugal. Foi criada pelas escravas de Cabo Verde e na época era considerada uma forma de rebelião pela igreja católica, que perseguia esta cultura. Mas essas mulheres que resistiram e o Batuku (em Crioulo, dialeto de Cabo Verde) continuou. E até hoje está bem vivo.

God Control

Defendendo leis para restringir acesso à armas e contra a violência, Madonna lança “God Control”.

No clipe dirigido por Jonas Åkerlund, a Rainha do Pop mostra um massacre violento contra pessoas em uma boate (referência à Pulse em Orlando onde um atirador agiu em 2016) e imagens reais de protestos. Tudo isso para protestar a favor da paz. Além disso um coral infantil menciona recentes protestos de estudantes pedindo mais restritas após massacres em escolas americanas.

Um detalhe muito bacana é que a balada que aparece no clipe, é inspirada na famosa Studio 54, a primeira que a artista visitou em Nova York quando se mudou para lá na década de 1970.

Sobre o contexto do vídeo Madonna diz “É irônico, porque nós costumávamos frequentar lugares como boates para nos divertir juntos, sermos livres. Agora, mesmo esses lugares não são mais seguros”.

Na produção, Madonna em texto pede que o acesso de armas seja restrito.”A violência com armas desproporcionalmente afeta crianças, adolescentes e comunidades marginalizadas. Em memória das vítimas, nós exigimos o controle de armas. Agora”, diz a mensagem. Em seguida vemos uma lista de acesso à instituições que lutam contra a violência armada.

Realmente Madonna também é rainha na hora de se engajar política e socialmente. E mais uma vez, uma produção com ares cinematográficos e que nos faz refletir e nos emocionar.

Neste vídeo, a música acabou ficando em segundo plano e para muitos não foi valorizada como devia, como se ela tivesse sido desmembrada em partes ao longo do clipe. Também tem quem ache que a cenas, por mais que sejam muito bacanas, ficaram um pouco bagunçadas e chatas de assistir por não serem mostradas na ordem cronológica exata. Por mais que vemos os horários na tela, essa impressão para alguns foi passada.

Independente da conclusão de cada um sobre essas críticas, é inegável que mais uma vez a nossa diva impactou todos nós e soube como ninguém fazer o seu protesto para uma sociedade mais justa e humana. Viva Madonna!

Madame X

Em 2017, Madonna resolveu se mudar para Portugal para tentar investir na carreira do filho David como jogador de futebol. Com o tempo ela foi conhecendo os artistas, pintores e músicos que moravam no país ou eram visitantes.

Além dos portugueses, a cantora conheceu muitos brasileiros, latinos e africanos. Assim, ela pode ter contato com muitas influências musicais bem diversas.

Essas sonoridades diferentes inspiraram a diva pop e podemos nos deliciar com essa mistura de sons ao ouvir “Madame X”, o novo álbum de Madonna.

Capa da versão deluxe de “Madame X”

O décimo quarto disco da Rainha do Pop, foi produzido pela própria cantora junto com Mirwais. Eles também contaram com as participações de Jeff Bharker, Pharrell Williams, Diplo, Billboard, Mike Dean e Jason Evgan na produção de algumas faixas.

A música que abre o álbum, é o primeiro single “Medellín”com participação de Maluma. A canção que já conquistou o mundo todo misturar o Pop com Reggaeton e a nossa diva se apropria da latinidade deste ritmo com maestria e dando total destaque ao companheiro de música.

Maluma e Madonna

Temos também o single “Dark Ballet” que é muito impactante e tem uma sonoridade bem elaborada e experimental ao falar sobre o mundo que tanto oprime e tenta dizer o que é normal. Tem até pedaço da música clássica de Tchaikovsky.

Madonna também conseguiu trazer uma sonoridade única para a faixa “God Control”. A música fala sobre a humanidade estar se perdendo e que já é hora de acordar. a gente vai colocar farinha aqui aí começamos a música bem Gospel e de repente ela se transforma em uma música eletrônica que nos faz querer ir para pista. E depois volta para o coral Gospel que se junta aos elementos eletrônicos.

E quem poderia imaginar Madonna cantando Reggae? É isso que acontece na faixa “Future” com participação de Quavo que nos inspira a aprender com o passado.

Madonna e Quavo

A cultura africana também está presente no álbum em “Batuka”. O arranjo conta com o batuque e o cântico religioso das africanas. A faixa tem o filho de Madonna, David Banda como um dos compositores.

A cantora, que sempre lutou pela igualdade, se põe no lugar de todas as pessoas vítimas de opressão e preconceito em “Killers Who Are Partying” e ela até canta Fado. em Portugal também é homenageado na música “Crazy”, onde além do inglês nossa rainha canta em português (o de lá).

Destaque também para a música “Crave”, com participação de Swae Lee. Um Hip Hop envolvente que traz um toque todo especial ao disco.

Sem dúvida um dos grandes pontos altos deste novo disco é a presença de Anitta. Elas gravaram uma nova versão para a música, de mesmo nome, gravada pela cantora Blaya, uma recifense que foi morar em Portugal aos 16 anos. A brasileira colocou Madonna para cantar funk e ainda ensinou a companheira a cantar quase a música toda em português. E posso dizer que adorei o desempenho da diva pop. Para quem não fala nossa língua, ela mandou muito bem.

Anitta e Madonna

E para a surpresa de muitos, Maluma participou de uma segunda música. O colombiano e Madonna se jogaram em um Reggaeton daqueles chamado “Bitch I’m Loca”. Mais uma das melhores faixas do disco.

E por que será que o álbum se chama “Madame X”? A própria Madonna explica “Madame X é uma agente secreta. Viajando ao redor do mundo. Trocando de identidades. Lutando por liberdade. Trazendo luz à lugares escuros. Ela é uma dançarina. Uma mestre. Uma chefe de estado. Uma dona de casa. Uma equestre. Uma prisioneira. Uma estudante. Uma mãe. Uma filha. Uma professora. Uma freira. Uma cantora. Uma santa. Uma prostituta. O espiã na casa do amor. Eu sou Madame X”.

A rainha também revela qual mensagem quero passar para o seu público com o disco. “Elas têm o direito de expressar seus pensamentos, de serem livres, de serem quem são, de serem orgulhosas de quem são, de sonhar o que algumas pessoas diriam que é um sonho impossível. E a importância da comunidade, da amizade, da família, de ser conectado com outros humanos”.

Neste novo trabalho, Madonna mostra mais uma vez, que é a artista pop mais completa e mais ousada do mundo. Um disco digno de uma rainha.

É muito legal ver a cantora, aos 60 anos, se reinventando e inspirando as pessoas a serem elas mesmas e a buscarem os seus direitos, sem deixar de andar com a cabeça erguida.

Muitos críticos musicais dizem que este é o melhor álbum da cantora desde o clássico “Confessions On A Dance Floor” de 2005. E afirmo, que realmente isso é verdade.

Além de ser um dos melhores álbuns da carreira de Madonna, não resta dúvida que é também um dos melhores discos de Música Pop dos últimos anos. Um álbum que nos impacta e nos arrepia em vários momentos, além de ser inspirador.

“Madame X” é um lançamento da Universal Music com versão standart com 13 canções e uma versão deluxe com duas a mais.

Capa da versão standart de “Madame X”

Dark Ballet

Impactante. Essa é a palavra que define “Dark Ballet” de Madonna. Uma música forte com o clipe que impacta nos faz pensar.

A música escrita pela cantora junto à Mirwais Ahmadzaï, ganhou um clipe que nos faz ficar arrepiados e reflexivos com direção de Emmanuel Adjei.

Na mega produção, gravada parte no Mosteiro da Batalha, na cidade portuguesa de Leiria, mostra elementos religiosos figuras católicas na época da inquisição, condenando um homem a fogueira.

Quem interpreta este homem é o artista queer performático Mykki Blanco. O americano é famoso por fazer apresentações artísticas com trajes femininos e peruca. Ele também é ativista e portador do vírus HIV.

O vídeo foi também inspirado na história de Joana D’Arc. Sobre a inspiração em Joana, queimada no Século XV, Madonna conta “Ela lutou contra os ingleses e ganhou, ainda assim os franceses não ficaram felizes. Ainda assim eles a julgaram. Eles disseram que ela era um homem, eles disseram que ela era lésbica, eles disseram que ela era uma bruxa, e, no final, eles a queimaram na fogueira, e ela não temeu nada. Eu admiro isso”.

Madonna realmente é uma Rainha. Sua sensibilidade é além do que geralmente as pessoas possuem e através disso consegue nos impactar e nos fazer pensar sobre a sociedade e o mundo em que vivemos.

Ao mostrar que em muitos aspectos, a humanidade é retrocessa, a diva pop nos impulsiona a tentar mudar esse quadro e nos faz ter esperança. Nesse clipe ela consegue fazer com que percebamos que de alguma forma, alguns aspectos de séculos passados continuam intrínsecos nos dias de hoje. Além de fazer um belo protesto.

A nova canção também nos lembra a importância de não ficarmos calados diante de injustiças e daquilo que acreditamos que tem de ser mudado.

Crave

A Rainha do Pop, Madonna se une a Swae Lee numa linda parceria, “Crave”, que vai te envolver e te conquistar em cheio.

No clipe dirigido por Nuno Xico, Madonna e Swae estão separados pela loucura do dia a dia em plena Nova York, e ela o envia bilhetinhos através de um pombo correio, para diminuir a melancolia da solidão, mesmo ao viver em uma cidade grande.

Em uma linha um pouco melancólica, o novo single de Madonna é sensível e o rapper Swae Lee dá um toque todo especial com seu tão poético e cativante. Uma das mais belas faixas da carreira da maior cantora pop do mundo.

11:11

A espera por fim acabou. Já está entre nós “11:11”, o novo álbum do Maluma. O Me Gusta tinha já escutado o CD e agora posso contar tudo deste trabalho que sem dúvida é um dos melhores da carreira do colombiano mais amado do Brasil.

Lançado pela Sony Music, o disco tem 16 faixas e foi produzido por diversos produtores craques do mundo da música. Entre eles Tainy, Madmusic, Edgar Barrera “Edge”, Tezzel e Ilya Salmanzadeh.

O cantor explica a escolha do título do novo trabalho, “11:11 é um sinal direto de nossos guias, anjos e maestros para estabelecer um momento de conexão, sincronicidade e consciência com nós mesmos, com o todo. É um chamado para despertar, é uma porta para meditar, escutar nossa intuição, olhar em nosso interior, tempo para pararmos e sentirmos as energias sutis do universo. É um chamado de nossa essência, um lembrete de nosso verdadeiro propósito na terra”.

Capa de “11:11”

Abrindo o disco temos “11 PM”, um Reggaeton mais lento e compassado que fala sobre a mulher se valorizar e não dar corda ora aquele cara que a deu valor.

O primeiro single “HP” é todo dedicação às mulheres e fala da garota independente que cansou de tanto cara idiota e que os põe em seus lugares. Um tempinho depois de Maluma colaborar com o amigo, Ricky Martin o presenteia com sua participação em “No Se Me Quita” sobre aquela conexão imediata, sem explicação, que você sente num beijo, num toque e que depois a pessoa não sai da sua cabeça.

Três grandes nomes do Reggaeton atual também estão no álbum do Colombiano. Ozuna participa em “Dispuesto” em clima de sedução, Nicky Jam empresta o seu talento para falar daquela mulher que se ama muito e que é inesquecível em “No Puedo Olvidarte” e a dupla Zion e Lennox aparecem em “Extrañandote” para falar do desejo de quê amada retorne, não importa quanto tempo demore.

O romantismo aparece em “Dinero Tiene Cualquiera”, que vem com a voz de Maluma mais suave e com guitarra latina para lembrar que amor é muito mais importante que qualquer coisa material que se possa desfrutar.

Uma música é surpreendente. “Soltera” logo de cara começam com um pouco de música indiana e logo a gente pensa em Madonna. E é exatamente ela quem divide a faixa com Maluma. Aquela música que te faz querer dançar e muito. Uma das melhores do CD. Muito orgulho de nosso “Maluma Baby”.

Maluma se joga na Salsa e mostra que tem personalidade e que sabe muito bem navegar neste ritmo em “Te Quiero”. Uma grata surpresa de tirar o fôlego.

Para completar as colaborações do disco temos a amada “Instinto Natural” com Sech, “Tu Vecina” que com Ty Dolla Sign mistura Reggaeton, Hip Hop e salsa com merengue, “La Flaca” que com Chencho Corleone trás um pouco mais de Hip Hop e “Puesto Pa’Ti” junto à Farina para te animar.

Finalizando o álbum com chave de ouro, “Déjale Saber” onde um homem pede que a amada dê o recado ao ex, dizendo que ela está bem mais feliz agora na nova relação, sem maltrata e com a vida andando melhor.

Contracapa com a Tracklist de “11:11”

Maluma conseguiu em seu novo trabalho discográfico trazer inovações à sua música, lembrar a sua essência musical de início de carreira em algumas faixas, modernizar o Reggaeton e escalar um time de primeira para cantar com ele. Isso faz de “11:11”, um dos melhores discos de sua jornada musical.

Podemos dizer que este álbum conversa e muito com o título “11:11” e seu significado. O CD consegue conectar Maluma com seu eu artístico e pessoal, mostrar a importância da intuição e emanar energia positiva ao universo.

Mais um mega acerto de Maluma, que mostra de uma vez por todas que seu talento e sua versatilidade vieram para ficar e voarem mundo afora.

Madonna e Maluma – Billboard Music Awards

Nesta Quarta, dia primeiro de Maio aconteceu a primeira apresentação ao vivo do single “Medellín”. Madonna e Maluma mostraram que juntos têm muito fogo pra incendiar o mundo com sua música.

E que performance incrível! Eles vieram triunfais. Conseguimos ter acesso a diversas faces de Madonna através de hologramas incríveis, com muita sincronia. Até chuva o holograma trouxe. Isso tudo em conjunto com os bailarinos e o cenário formaram uma apresentação sem igual.

E que química incrível entre esses dois aconteceu. Muito à vontade no palco, os dois mostraram que se entendem no olhar e que estavam curtindo muito estarem juntos naquele momento.

Madonna se mostrou mais do que a dona do pedaço, uma artista e uma mulher muito generosa e calorosa quando está dividindo o palco com alguém. Fora o vigor dela aos 60 anos. Uma verdadeira Rainha do Pop.

Maluma por sua vez, mostrou de uma vez por todas o motivo de seu sucesso. Além do talento e afinação que todos sabemos que ele tem, o colombiano mostrou que não domina apenas o Reggaeton, domina também o Pop. Mostrou que é um artista multifacetado, algo já visto em sua versão Salsa do sucesso “Felices Los 4”.

A resposta do público durante a apresentação foi outro ponto alto. Todo mundo vibrou, trazendo ainda mais força à apresentação de Madonna e Maluma.

Sem dúvida, Maluma e Madonna formaram um das melhores duplas que já podemos ver na história da Música Pop Mundial. Não é à toa que gravaram três músicas juntos. Duas para o disco dela e uma para o disco dele.

Essa parceria vem também, para brindar o sucesso da música latina e de seus artistas no mundo todo, que se deve à riqueza da cultura latina, à entrega que os artistas latinos tem e ao lado “caliente” de todo bom latino.

Medellín

Já está no ar o tão aguardado clipe de “Medellín”, a parceria de Madonna e Maluma. E o resultado ficou de incrível e surpreendente.

Com direção da dupla espanhola Diana Kunst e Mau Morgó, a produção com estética inspirada em artistas surrealistas como Frida Kahlo, mostra os cantores como um casal que se casa em grande estilo.

No começo do vídeo, Madonna aparece em uma igreja fazendo uma oração onde em dado momento diz “eu nunca serei o que a sociedade espera que eu seja”. Depois ela aparece com maluma em cenas para lá de calientes com direito até de cenas referentes ao mundo do sadomasoquismo.

Vale ressaltar que no clipe a rainha do Pop, vive sua personagem Madame X, que dá nome inclusive ao novo álbum. Sobre a personagem ela conta “Madame X é uma agente secreta viajando ao redor do mundo. Mudando de identidade. Trazendo luz para lugares obscuros. Madame X é uma dançarina. Uma professora. Uma chefe de Estado. Uma prisioneira. Uma estudante. Uma mãe. Uma criança. Uma freira. Uma cantora. Uma santa. Uma prostituta. E uma espiã na casa do amor”.

Destaque para o vestido de noiva usado pela cantora, que lembra muito o vestido do vídeo de “Like A Virgin” e que acompanha um chapéu country, o que lembra a sua fase do álbum “Music”.

É muito bacana ver como Madonna realmente não deixa de estar antenada nas tendências musicais do mundo. além de antenada ela sabe como ninguém por em prática de forma impecável. E foi isso que ela e maluma fizeram nesse hit, que mistura o pop com a música urbana latina.

Uma estreia triunfal deste novo trabalho. O álbum “Madame X” será lançado em Junho pela Universal Music.

Medellín

Se você sonha alto, continue. Você pode realizar. É isso que aconteceu com o Maluma. Seu sonho é agora realidade. Ele gravou com Madonna e de quebra, está no primeiro single escolhido para o novo álbum da Rainha do Pop.

A música chama “Medellín”, uma referência a cidade onde o cantor nasceu. Temos uma mistura de inglês com espanhol, e também do Pop com o Reggaeton. Destaque para o espanhol da Madonna, muito bem pronunciado.

Nas redes sociais Maluma comemorou a estreia do single. “Isso me parece incrível. Eu continuo sem acreditar, mas sim, é uma realidade!”

A faixa faz parte de “Madame X”, o novo e décimo quarto álbum da diva Madonna. O clipe será lançado no dia 24 de Abril, com transmissão pela MTV.

E para alegria e surpresa e todos os fãs do Maluma, no disco tem mais uma música com participação dele chamada “Bitch I’m Loca”.

Madonna também contou sobre a escolha do nome do novo disco, através de uma personagem. “Decidi chamar meu álbum de ‘Madame X’. Uma agente secreta viajando ao redor do mundo, trocando sua identidade, lutando por liberdade, trazendo luz a lugares sombrios. Ela é uma professora de dança, uma chefe de estado, uma governanta, uma prisioneira, uma estudante, uma freira, uma cantora de cabaret, uma santa e uma prostituta”.

“Like A Prayer” – 30 Anos

1989, um ano memorável para Madonna. Foi em 3 de março desse ano, lançado o seu maior single até hoje. “Like A Prayer”.

30 anos depois a música ainda é a mais popular da cantora. Na plataforma digital Spotify, é a canção mais escutada de Madonna com cerca de 85 milhões de streams.

Capa do single criada por Christopher Ciccone, irmão de Madonna

A faixa mistura o Pop com o Rock e a Música Gospel (através de um coral regido por Andraé Crouch). E a artista soube como ninguém fazer uma música de duplo sentido. Em certos momentos fica a dúvida se ela se refere à ajoelhar para rezar ou para um ato sexual.

A bela canção foi escrita por Madonna com o talentoso Patrick Leonarde e foi a primeira música da história usada em um comercial antes de seu lançamento. Um dia antes da estreia, “Like A Prayer” apareceu em um comercial da Pepsi.

Com direção de Mary Lamberto, clipe da faixa, com quase seis minutos de duração, foi extremamente polêmico. Nele vemos uma mulher que presencia um assassinato. Um homem negro foi preso como culpado e ela sabia que isso não procedia. Inclusive o assassino era um homem de pele clara.

Após experiências de fé e um sonho, onde beijava um Cristo negro, a garota faz de tudo para provar a inocência do rapaz. Além de falar sobre religião intolerância racial, o clipe causou polêmica não só pelo Cristo negro mas também por uma cena onde apareciam cruzes queimando. Essas cruzes fazem uma referência a maneira de intimidação à população negra pela Kuklux Klan.

Madonna que teve o objetivo de fazer uma música mais madura, contou que “Like A Prayer” é uma faixa sobre uma jovem garota tão apaixonada por Deus que faz dele, quase só sua única figura masculina na vida.isso justifica os tópicos sexuais disfarçados com tema religiosos.

Para a Revista Rolling Stone, que considerou essa a melhor música de Madonna, a artista contou sobre a inspiração para essa música. “Quando você é católico, você sempre é um Católico, em termos de seu sentimento de culpa ou arrependimento ,ou se pecou ou não. Às vezes, eu tenho um sentimento de culpa que não deveria ter e, para mim, isso é um resultado da minha educação Católica. No Catolicismo, você é um pecador de nascimento e é um pecador por toda a sua vida. Não importa o quão você tenta se afastar disso, o pecado está dentro de você o tempo todo. Foi esse medo que me assombrou; ele me provocou e me machucou a cada momento. Minha música foi provavelmente a única distração que eu tinha”.

A música quando estreou ficou em primeiro lugare em países como Austrália, Dinamarca, Canadá, Reino Unido e Noruega. Além de número um da lista Hot 100 da Billboard Americana. A canção ajudou o álbum de mesmo nome, a vender cerca de 5 milhões de cópias no mundo todo.

Santiago Fouz-Hernández (professor da escola moderna de culturas e línguas modernas pela Durham University) fez uma reflexão sobre o tão amado single e sua importância. “Você pode interpretar a música como uma conversa direta com Deus, sobre espiritualidade de forma mais ampla ou como uma carta apaixonada a um amante. O vídeo mistura essas mensagens de forma inteligente e ainda acrescenta outra controvérsia ao discutir raça. Era uma oportunidade de quebrar vários tabus de uma só vez”.

Não resta dúvida de que esta é uma das canções mais icônicas de Madonna. Fruto de muito talento e por fazer uma crítica social ao que era ruim no mundo no final da década de 80. O coral gospel foi uma ótima sacada que traz mais emoção ainda à faixa.

Uma música que é passada de geração por geração, sendo sempre a favorita de alguém, dentre os grandes sucessos de Madonna. 30 anos se passaram e “Like A Prayer” cabe muito nos dias de hoje.

Viva Madonna! Viva “Like A Prayer!

Lady Gaga – Oscar e Madonna

Ontem a noite americana não foi mais a mesma. Foi dia da cerimônia do Oscar para premiar os melhores do cinema. E Lady Gaga brilhou mais do que nunca e mostrou mais vez que é muito poderosa.

Dois acontecimentos aqueceram a Internet que foi a loucura com milhares e milhares de comentários e reposts.

Foto: Mike Blake

Primeiramente Gaga venceu o Oscar na Categoria Melhor Canção com “Shallow” ao lado de Bradley Cooper para o filme “Nasce Uma Estrela”. Ela ainda concorreu como Melhor Atriz, que foi dado a Olívia Calman pelo filme “A Favorita”.

Em seu discurso Lady Gaga levou a plateia às lágrimas ao dizer “Se você está em casa, no seu sofá, assistindo a isso, tudo o que eu tenho a dizer é que esse é um trabalho duro. Eu trabalhei duro por muito tempo para chegar até aqui. Não é sobre ganhar, é sobre não desistir. Se você tem um sonho, lute por ele. Existe uma disciplina. Não é sobre quantas vezes você foi rejeitado, caiu e teve que levantar. É quantas vezes você fica em pé, levanta a cabeça e segue em frente”.

Foto: Mike Blake

A cantora e atriz ainda falou sobre o parceiro Bradley Cooper. “Não há outra pessoa no mundo com quem eu poderia ter cantado essa música.”

Se a gente achava que parou por aí a noite de surpresas, estávamos enganados. Após a cerimônia foi registrado um momento em vídeo do encontro entre Madonna e Lady Gaga, registrado por JR (fotógrafo e artista plástico), que postou este instante nos histories de seu Instagram.

Além disso, todo ano Madonna oferece uma festa para as estrelas da noite. E mais uma vez as duas foram registradas juntas em fotos do próprio JR. Isso levou a internet à loucura, já que as duas são rivais na música e já se alfinetam muito.

Uma coisa muito bacana era regra na festa da Rainha do Pop. Os convidados tinham seus celulares guardados para aproveitarem mais a festa e durante a comemoração o fotógrafo JR fazia os registros. Muito legal. Uma ideia pra ser levada a diante.

Foto: JR (tirada durante a festa na casa de Madonna e publicada pelo Instagram da Revista Time)

Toda confusão começou quando em 2011, Madonna declarou que Lady Gaga havia copiado uma de suas músicas. No caso “Born This Way” seria cópia de “Express Yourself”.

Em uma ocasião, Gaga até comentou ” Apesar de todo o respeito que tenho por ela como artista, não consigo entender o fato de ela não querer olhar nos meus olhos e dizer que eu sou simplista ou sei lá o quê. Dizer para mim que eu sou uma bosta através da mídia é como um cara passar um bilhete através de um amigo dizendo que ele acha você linda”.

Prints do Histories de JR

Depois Madonna postou uma segunda foto via Facebook

Foto: Facebook de Madonna

Agora resta torcer para que um dia possamos ver um dueto entre as cantoras, algo que sempre foi dito como impossível. Agora com tudo isso que aconteceu em uma noite e madrugada, podemos ter sim esperança.

Madonna e Maluma Juntos

Em Agosto de 2018 no VMA, premiação da MTV, Maluma conheceu Madonna e eles trocaram abraço e algumas palavras. Inclusive a diva pop contou a ele que gostava muito de seu trabalho.

Apos rumores, o colombiano revelou que havia a possibilidade de os dois gravarem algo juntos. E a internet foi à loucura.

Agora mais uma vez a internet tremeu. Em suas redes sociais a rainha Madonna postou uma foto em estúdio ao lado do astro do Reggaeton, Maluma. Como legenda artista usou “Cozinhando com fogo aqui”.

Foto: Instagram de Madonna

Por sua vez Maluma também postou fotos com sua nova parceira de música.

Mais detalhes sobre a canção não foram divulgados. Agora nos resta aguardar para saber um pouco mais e também para descobrir se a nova canção, fará a parte do novo álbum de Madonna ou do novo álbum de Maluma.

Fotos: Instagram do Maluma

Anitta e Madonna

Anitta realmente nasceu para brilhar. E o Brasil é muito pequeno para esse brilho, que cada vez mais se expande aos quatro cantos do mundo.

Hoje finalmente a cantora confirmou a sua parceria, com ninguém mais ninguém menos, do que a rainha do Pop, Madonna.

A brasileira postou uma foto junto com a diva e usou como legenda: “Estar ao seu lado é um aprendizado para a vida inteira. Gratidão sem fim”.

Foto postada nas redes sociais oficiais de Anitta

A internet veio abaixo e Anitta recebeu várias mensagens de incentivo e felicidades dos seus fiéis e calorosos fãs e de artistas. A foto ganhou 50 mil curtidas no Instagram em apenas 5 minutos.

Madonna fez questão também de postar a foto em suas redes sociais dizendo: “Sempre divertido encontrar amigas lindas e talentosas no estúdio!

Anitta enche nosso coração de orgulho e mostra que nenhum sonho é impossível. Além do talento, muito trabalho com dedicação foi responsável por fazer a cantora chegar tão longe.

Tudo isso com muito carisma não podia resultar em algo menos extraordinário do que a parceria com Madonna, a artista mais reconhecida do mundo. Agora só resta guardar a música que provavelmente estará no novo disco de Madonna com lançamento para 2019.

Anitta – Coletiva e Dueto Com Madonna

Nesta segunda-feira (12) aconteceu em São Paulo no “Four Season Hotel”, a coletiva de imprensa de lançamento da série do Netflix “Vai Anitta”.

A Funkeira mais Pop do Brasil, falou detalhes da série e peculiaridades que nem imaginávamos. Leia a seguir, um apanhado do que foi dito na coletiva, com fonte em meios de comunicação como a Folha, O Fuxico, a Veja e Purepeople.

A Coletiva

Anitta contou que a nova série do Netflix, “Vai Anitta” tem 6 episódios e vai estrear no dia 16 de Novembro.

Nela veremos cenas de bastidores de shows, a elaboração do projeto Checkmate, a gravação do clipe “Os That For Me” no Amazonas e a trajetória da cantora até aqui. Até o processo de separação da cantora e Thiago Magalhães foi contado.

Foto: Francisco Cepeda

A cantora queria que a série fosse o meio termo entre reality e documentário, e entre o engraçado e o sério.

Anitta fez questão de não colocar nenhum limite em relação ao que poderia ser exibido. Segundo ela “Sou desapegada, não estabeleci limite nenhum. Mais para o final das gravações, O pessoal pegou mais intimidade comigo e entendeu como eu funciono. Eu abri as portas e estou esperançosa com a ideia de ter uma segunda temporada, já que a primeira será como uma apresentação”.

Sobre como ela queria que fosse a vibe da série, Anitta foi direta “Nãoo queria que fosse uma coisa muito para o trabalho, e também nem muito para a vida pessoal. Queria que fosse um pouquinho de cada coisa. Tem um saborzinho de cada coisa, mas a gente fez muito essa série pensando em eu me apresentar”.

Fotos: Francisco Cepeda

Durante o processo de gravação, a cantora teve uma crise de depressão tia fez interromper as gravações.

“Eu tive uma recaída e nesse meio tempo tive uma crise de depressão. Não b queria ver câmera por perto, então não consegui a gravar e nem fazer nada por 3 meses. Em função desta situação, tem um hiato no meio das filmagens, mas todo mundo Parou a produção e me esperou melhorar para dar continuidade no projeto”.

Fotos: Francisco Cepeda

A artista ainda fez um balanço sobre a depressão. “Parece se por ter sucesso a gente está sempre feliz. Eu falo um pouco disso. E falo sobre o que comecei a pensar para conseguir voltar a caminhar normalmente. Dou depoimento explicando o motivo de eu ter ficado assim”.

Madonna

Durante a coletiva, Anitta foi pega de surpresa. A repórter do Yahoo, indagou a cantora sobre a ligação que ela teria recebido da Rainha do Pop Madonna a convidando para gravar um funk juntas. A brasileira não esperava por isso e após dar uma risadinha (de quem não sabe o que falar), desconversou. Pelo visto era um segredo.

Segundo o jornal O Dia, Anitta se Manteve calma enquanto conversava com Madonna, mas assim que desligou festa berrante se jogando no chão.

A aproximação da cantora internacional com a brasileira, começou em Abril. Na época, Madonna publicou um vídeo onde uma de suas filhas dançava o hit “Indecente” de Anitta.

No último Domingo (11), a rainha curtiu o vídeo do Instagram oficial de Anitta que aparece dançando a sua música “Jacuzzi” (em parceria com Greeicy) nos bastidores do EMA 2018.

Além disso As duas têm um amigo em comum. O diretor artístico Giovanni Bianco que já trabalhou com as duas.

Assista abaixo o trailer da série “Vai Anitta” e o vídeo do momento em que a repórter fala sobre a parceria.

Madonna e Maluma – Possível Dueto

Em agosto no dia 20 o maior astro colombiano de todos os tempos se encontrou a nossa rainha do pop Madonna na cerimônia do VMA (Video Music Awards) da MTV Americana.

O momento foi registrado e compartilhado pelo cantor em seu Instagram oficial. Em sua publicação ele contou que foi elogiado por ela, ao dizer que ele estava pronto para o próximo nível e afirmou seu amor pela artista.

Reprodução : Instagram

Os fãs, é claro, começaram a sonhar com um dueto entre os dois e a pedir que este sonho se tornasse realidade. Ao ser questionado sobre o assunto, Maluma falou sobre o encontro e a possível parceria para o site mexicano Net Notícias.

“Para mim é uma rainha. Ela foi muito humilde e me disse que seguia minha carreira. Agora nós mantemos contato”, declarou o astro.

Acendendo a esperança de seu público, Maluma completa “O fato de uma pessoa tão grande espiritualmente e artisticamente acreditar em mim, faz com que todos os meus sonhos cresçam e se renovem. Foi um dos momentos mais especiais de minha carreira. Cantar com ela seria a maior coisa que poderia ocorrer para mim”.

Madonna está preparando seu novo álbum. Já pensou se rolasse um feat entre eles neste disco? Seria incrível.

Dá muito orgulho ver um artista latino levando sua cultura e sua música para todos os cantos do mundo. A felicidade e orgulho só aumentam com o reconhecimento da maior artista do mundo.

Sem dúvida esse encontro e o fato dos dois manterem contato, aumenta e muito as chances de presenciarmos este grande dueto que seria tão importante para o mundo da música. Nos resta aguardar e torcer muito.