CDs Que Amamos : Victoria Beckham

Esse ano será marcado pelo retorno das Spice Girls aos palcos, porém sem uma de suas integrantes. No primeiro dia do ano vamos falar do único álbum solo de Victoria Beckham que desta vez não quis se juntar às suas amigas, mas as apoiou muito.

Com 12 faixas, sendo 9 autorais pela gravadora Virgin Records, o CD que amamos foi lançado em 2001 e teve produção de Jack Kugell, Matt Prime, Damon Thomas, Harney Masson Jr, entre outros.

Com o gasto de cerca de 5 milhões de libras para ser produzido, infelizmente esta produção teve apenas 50 mil cópias vendidas. Porém esta baixa marca não faz deste, um disco menos incrível ou de menor valor.

A primeira faixa logo de cara o primeiro single “Not Such An Innocent Girl”. Para mim é a melhor de todas e com um Pop no seu jeito mais puro, mostra de cara toda qualidade desta cantora que por muitos não foi valorizada.

Explorando ao máximo a voz da Victoria, que sempre foi a menos evidente e a menor em termos técnicos e de qualidade de todas as Spice, “Mind Of It Own”traz um belo Rap no começo, evidenciando outra faceta da cantora, pouco conhecida. Além disso mostra que a ex-spice é sim uma boa cantora.

Para quem gosta de um Pop um pouco mais sofisticado temos a envolvente “That Kind Of Girl”convocados mais leves e macios. Uma canção que perfeitamente se encaixaria em uma produção das Spice. E com violão tchelo e sintetizadores, “Like That” mostra uma Posh Spice mais madura, mais forte e segura de si, com uma música inspiradora e bela.

Ao misturar o Pop com o R&B, “Girlfriend” ficou com o ar um pouco mais antiquado, mas mesmo assim soou contemporâneo e se mostrou uma das músicas mais interessantes do disco. Uma Victoria Beckham que ainda não conhecíamos.

O maridão David Beckham, teve “I.O.U” toda dedicada a ele. No tema, Vitória teve sua voz muito bem explorada e se mostrou cheia de emoção. O começo da música parece algo épico e junto de arranjos de cordas durante a canção, a torna bela e especial. Com um ar todo romântico.

Tem uma música que me lembra muito o som do Destiny’s Child. Estou falando de “I Wish”, uma faixa animada e cativante que nos faz querer dançar.

E não podemos deixar de dar destaque para “Every Part Of Me”. Com altas notas vocais e de volume, porém trazendo muita doçura e emoção, somos agraciados pela homenagem à Brooklin Beckham, o primeiro filho de Victoria e que fala sobre o sentido que a vida ganha com o filho e sobre o amor incondicional.

Ao lançar o disco Victoria Beckham declarou “Passei 18 meses gravando esse disco. Espero que as pessoas percebam que tenho mais a oferecer do que um ar de tédio e um rosto bonito”. E a cantora conseguiu passar exatamente isso.

Eu diria que esse CD é surpreendente. E o porque é simples. Vemos que Victoria é muito melhor cantora do que imaginávamos. Mesmo talentosa, por ser menos boa cantora do que as amigas de Spice, ela nunca conseguiu mostrar também seu verdadeiro talento para a música. Também é muito bacana ver os elementos de R&B que deram ao trabalho muita personalidade.

Esse disco chegou, para mostrar que ela é muito mais do que um rostinho bonito, muito mais do que uma integrante das Spice Girls e que ela é sim uma excelente cantora. Uma obra que vale muito a pena ouvir muitas e muitas vezes.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s